Follow by Email

sábado, 7 de setembro de 2013

Algumas injustiças


A coisa mais injusta sobre a vida é a maneira como ela termina, eu acho que o verdadeiro ciclo da vida está todo de trás pra frente, nós deveríamos morrer primeiro, e nos livrar disso logo.

Vivemos num lar, até sermos escorraçados de lá para fora, por sermos muito novos, ganhamos um relógio de ouro e imos trabalhar, então trabalhamos 40 anos até ficarmos novos o bastante para poder aproveitar a nossa reforma.

 Aí nós curtimos tudo, bebemos bastante álcool, vamos a festas, e preparamo-nos para a universidade.

Vamos para um colégio, temos várias namoradas, voltamos a ser crianças, não temos nenhuma responsabilidade, tornamo-nos um bebe de colo.

Voltámos para o útero da nossa mãe, e passamos os últimos nove meses de vida flutuando, e terminamos isto tudo com um ótimo orgasmo! Não seria perfeito?
 
 
 

quarta-feira, 19 de junho de 2013

Incertezas no amor


Tento desbloquear dentro de mim, o aperto que sinto quando vou de encontro à escrita, é este o caminho que me leva de volta ao amor e ao mesmo tempo me afasta dele.

 Não sei, acho que ultimamente nem quero saber, nem mesmo quero saber quem sou, sei que algumas vezes fui muito sábio, outras vezes fui um autêntico ignorante pela forma como conduzi a minha vida.

 São lições de aprendizagem, é certo, das quais não me queixo, aceitando sempre as minhas limitações com a naturalidade de quem tem grandes pretensões. O amor existe? Se existe, de onde vem? Sempre ouvi dizer que o amor é tudo e em tudo é amor. Sim, amor também se reflete na flor que se abre e exala o seu perfume. Amor é o por  do sol que se assiste ou a aurora de um dia.

Quando amei, era tudo tão perfeito. As minhas mãos pousaram calmamente no peito macio, com o dia amanhecer no ritmo certo das conversas, abraços, carinhos embalados por uma música qualquer. Durante muito tempo, fechava as minhas mãos e ainda sentia o toque, mesmo naqueles dias de chuva em que se calaram as vozes de gente que supostamente sentiram amor.

 Deixo os poemas que outrora escrevi, esperando que inspiração chegue, não lutando contra, apenas tentando esquecer alguns casos em que consegui aquecer outras almas, penso somente na luz que ilumina o meu destino se ele existir e se existir terei de aceitar com choro ou sorriso.

Eu sei que nada depende de mim. Sei que nada depende de mim, porque cada um depende a própria vida e das suas próprias escolhas.







 
 
 
 

 

quarta-feira, 17 de abril de 2013

Estou livre

Há quem prefira voar, há quem prefira sonhar como também há quem saiba que viver é mais que comprar e comer, a liberdade torna-se sempre numa decisão, numa procura ou numa viagem com aventura para encontrar o seu propósito.
 Isso faz com que possas voar mais alto e alcances as tuas metas, novos horizontes com novos pensamentos que te levarão para novas perguntas, fazendo que cresças.
Cair e levantar é o caminho para a perfeição numa oportunidade que não podes desperdiçar, apenas tu poderás estar contra ti mesmo por não quereres assumir que tens a vida que sempre desejaste ter.
 
Enquanto batalhares contra ti, perderás as forças e energias contaminando o teu mundo em lamentações e sofrimento com a ilusão de que a salvação está por entre aqueles que te rodeiam.
Eu apenas quero dizer que nunca devemos deixar de aprender, a vida é só uma com constantes, e ensinamentos, a esperança existe como os rios que nunca deixam de correr para os oceanos, nem as estrelas deixarão de brilhar e eu acredito que uma delas consigo alcançar.
 
 
 
 

segunda-feira, 25 de março de 2013

Eu sou assim..

Se um dia quiseres saber como sou, pergunta ao ar que eu respiro, e a voz do meu silêncio te responderá. Sou como uma noite sem luar, sou como uma tempestade no mar, e às vezes sou calmo, como uma brisa que acaricia o teu rosto.

Posso ser como um furacão, ou ás vezes quem sabe como um orvalho da manhã, nas noites quentes de verão, sou forte, brilhante e guerreiro, e ainda assim sinto-me frágil, se não te tenho comigo.
 Devorando o brilho dos teus olhos, perdido e louco por amor, ás vezes sou incompreensivo, e não consigo compreender o sentido da minha própria vida.

Sou assim, não sei porquê! Se pensares realmente em mim, e quiseres saber como sou, fecha os olhos e imagina a dimensão do amor e me verás debruçado na janela do mundo contemplando a tua face, e se nesse momento um amor forte e arrebatador invadir o teu peito, abre a janela do teu quarto e contempla o horizonte, no infinito, e verás uma estrela a brilhar, a partir daí verás o quanto eu te posso amar, e o quanto eu penso em ti...
 
 
 
 
 
 

segunda-feira, 11 de fevereiro de 2013

As coisas mudam


Nesta caminhada que tem sido a minha vida, Já perdoei erros quase imperdoáveis, tentei substituir pessoas insubstituíveis, e esquecer pessoas inesquecíveis.
 Já fiz muitas coisas por impulso, e por isso me dececionei com algumas pessoas que eu nunca pensei que me iriam decepcionar,mas também consegui decepcionar alguém.
Já abracei para proteger alguém, já dei risadas quando não podia, consegui fazer amigos eternos, e amigos que eu nunca mais vi. Já amei e fui amado, mas também já fui rejeitado, e fui amado e não amei.
Já gritei e saltei de tanta felicidade,já vivi de amor e fiz juras eternas, mas também bati com a cara muitas vezes…
 Já chorei ouvindo músicas e vendo fotos…já liguei só para escutar uma voz, e me apaixonei por um sorriso…já pensei que fosse morrer de tanta saudade e tive medo de perder alguém especial (e acabei por perder mesmo).
 Mas vivi! E ainda vivo!
Por isso bom mesmo é ir à luta com determinação, abraçar a vida com paixão,
perder com classe e vencer com ousadia, porque o mundo pertence a quem se atreve
e a vida é muito para ser insignificante.
 
 
 
 
 
 
 
 
 

sábado, 12 de janeiro de 2013

"Atitudes na vida"

A vida tem-me ensinado, que as pessoas são amáveis, se eu sou amável...
Que as pessoas estão tristes, se eu estou triste...
Que todos me querem bem, se eu querer o bem deles...
Que todos são maus, se eu os odeio...
Que há rostos sorridentes, se eu sorrio para eles...
Que há rostos amargurados, se eu estou amargurado...
Que o mundo é feliz , se eu sou feliz...
Que as pessoas têm nojo, se eu sinto nojo...
Que as pessoas são gratas, se eu tenho gratidão.
A vida é como um espelho , se sorrio, o espelho me devolve o sorriso..
A atitude que tomo na vida é a mesma que a vida tomará ante mim.